Desigualdades no mundo do trabalho são tema do próximo Seminário Internacional

O próximo seminário do Ciclo “O futuro do trabalho: perspectivas latino-americanas” terá como tema “Desigualdades estruturais e mercado de trabalho” e ocorre no dia 10, quarta-feira, a partir das 18h30, com transmissão pelo canal do Fazendo Escola no Youtube. Para abordar o assunto, formarão o painel Winnie Santos, Itamar Vieira Junior e Barbara Castro.

Na atividade, os painelistas apresentarão um panorama sobre a desigualdade de condições do mercado de trabalho brasileiro e latino-americano, os obstáculos e caminhos para superar esta realidade. Entre os problemas principais, devem ser expostas as dificuldades enfrentadas por diferentes grupos a partir de questões de gênero, raça, classe e idade, bem como debatidas as perspectivas para a organização da classe trabalhadora no sentido de buscar a redução das condições desfavoráveis e ampliar os mecanismos de inclusão para contemplar a diversidade. 

Serviço

“Desigualdades estruturais e mercado de trabalho”
Data: 10 de outubro (quarta-feira)
Horário: 18h30
Transmissão: YouTube “Fazendo Escola”

 

Painelistas aprofundam o tema em suas áreas de atuação

Winnie Santos é pesquisadora do Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades (CEERT) e mestre em Psicologia Social, tendo escolhido como tema para sua dissertação “Significações de Mulheres Pretas inseridas no mundo do trabalho em posições de prestígio social”.

Barbara Castro é professora do Departamento de Sociologia da Universidade Estadual de Campinas, Mestre em Ciência Política Doutora em Ciências Sociais. Sua área de ênfase é a sociologia do trabalho e estudos de gênero, especialmente em relação à organização flexível do trabalho e seus impactos na subjetividade dos trabalhadores e trabalhadoras.

O escritor Itamar Vieira Junior é  Graduado e Mestre em Geografia pela Universidade Federal da Bahia e doutor pela mesma instituição na área de Estudos Étnicos e Africanos. Autor de Torto Arado, romance que aborda a opressão social através da situação de trabalhadores sem-terra remanescentes do regime escravista. Vencedor do Prémio LeYa de 2018, do Prêmio Jabuti de 2020 e do Prêmio Oceanos de 2020.

 

Organização

O Ciclo de seminários é uma realização do Laboratório de Sociologia do Trabalho (LASTRO) da Universidade Federal de Santa Catarina com o  Centro de Estudos e Pesquisas em Trabalho Público e Sindicalismo (Fazendo Escola) e tem apoio do Sindicato dos Servidores da Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (Sindjus/RS) e Sindicato dos Trabalhadores no Poder Judiciário Federal no Estado de Santa Catarina (Sintrajusc).