O SINDICATO

O Sindicato dos Servidores da Justiça do Estado do Rio Grande do Sul – SINDJUS RS, foi fundado em 08 de novembro de 1988, com o advento da atual Constituição Federal, que possibilitou a organização dos trabalhadores do serviço público através de uma entidade de classe, com caráter reivindicatório.

Comunicação

Para levar as informações aos seus associados, o Sindicato dispõe dos seguintes instrumentos de divulgação: Jornal Lutar é Preciso; e-mail marketing, sempre que haja necessidade de maior rapidez na chegada da notícia e campanhas aos locais de trabalho; redes sociais como Facebook, Twitter e Youtube; duas linhas telefônicas, sendo uma com fax; e correio eletrônico (e-mail).

Organização

O Sindjus realiza visitas nos locais de trabalho, promove eleições de Coordenadores Regionais de Núcleos e de Representantes de Comarcas – fatores importantes na comunicação do sindicato com os servidores; seminários de formação aos Representantes, além de promover a participação da categoria nos eventos de interesse dos trabalhadores do Judiciário.

Estrutura

As instâncias de deliberação da categoria são: Congresso Estadual; Plenária Estadual e Assembléia Geral. Constituem o sistema diretivo do sindicato o Conselho Geral; Diretoria Colegiada; Coordenação de Núcleos e Conselho de Representantes. A diretoria executiva colegiada reúne-se semanalmente.

A Sede

Em 8 de novembro de 2003 era inaugurada a sede própria do Sindicato, pela administração da gestão “Consciência, Luta e Resistência” – 2001/2004. Na gestão “Reconquista da Dignidade” – 2013/2016, a sede passou por uma reforma parcial, valorizando o patrimônio da entidade.

A edificação de dois pisos está localizada no Bairro Menino Deus da capital gaúcha. De fácil localização pelos servidores, tanto de Porto Alegre como da região metropolitana e interior do Estado, o Sindjus/RS também está próximo do Foro Central I, II, e do Tribunal de Justiça.