Seminário sobre o PCCS conta com centenas de servidores no sábado

O Seminário PCCS Para Todos, realizado neste sábado (22) pelas entidades que representam os servidores da Justiça, contou com a audiência de centenas de servidores de todo do Estado. Na atividade, que reuniu em plataforma virtual dirigentes, assessores técnicos e membros do TJRS, o anteprojeto apresentado pela Comissão do Plano de Carreira foi analisado detalhadamente. O evento teve início no período da manhã e se estendeu até às 17 horas.

O diretor de política e formação sindical, Marco Velleda, destacou na abertura do encontro a importância histórica da construção em curso, ressaltando o papel fundamental e “revolucionário” dos servidores que aderiram à greve de 2019, que durou 52 dias, para a concretização dessa conquista. Velleda, que também é coordenador da região sul da Fenajud, enfatizou que apesar das limitações orçamentárias da conjuntura atual, é imprescindível garantir na construção da carreira a isonomia, razão qual é essencial que o plano apresentado neste ano tenha a primeira revisão em 2022. 

O presidente da Comissão do Plano de Carreira do TJRS, desembargador Eduardo Uhlein, pontuou o caráter democrático da construção do plano, destacando a significativa participação dos servidores nas audiências públicas e com contribuições enviadas por e-mail nas últimas semanas. O magistrado garantiu que a Comissão está analisando todas as sugestões encaminhadas pela categoria e que acredita que, ao final do processo de construção, o plano apresentado será o mais próximo possível do ideal. 

Durante o seminário, os principais pontos do anteprojeto elaborado pela Comissão do TJRS foram objeto de minuciosa análise, que contou com apoio das assessorias técnicas do sindicato para aprofundar os itens que careciam de maior atenção. Ao final, foi apresentada também análise econômica das finanças do TJ e do Estado.

Ao final da atividade, os organizadores do seminário responderam aos questionamentos encaminhados pelos servidores que acompanharam a atividade. Ao ressaltar a importância do processo amplo de escuta e de troca de informações intensa com a categoria que as entidades procuraram estabelecer para a construção de um plano de carreira com efetiva valorização para todos, o coordenador-geral do Sindjus, Fabiano Zalazar, esclareceu que as entidades apresentarão proposta conjunta consolidada ao Tribunal ainda nesta semana.

Confira os vídeos do evento no nosso canal, Sindjus (In)Formação:

https://www.youtube.com/watch?v=qjR7dVqcfio

https://www.youtube.com/watch?v=XUTJO2yRA8w