Grande aumento de casos de Covid-19 é o alerta para retomar medidas de controle sanitário no Judiciário 

Diante do grande aumento de casos de Covid-19 causado pela variante Ômicron, a direção do Sindjus/RS protocolou um ofício solicitando ao Tribunal de Justiça (TJRS) que reforce as medidas sanitárias e orientações para prevenir a disseminação do vírus e a contaminação dos trabalhadores e trabalhadoras do Judiciário gaúcho.

Entre as providências solicitadas pelo Sindicato estão a manutenção dos servidores em trabalho não presencial e a não reabertura integral das unidades judiciárias. O documento foi entregue no dia 6 de janeiro; no entanto, até o momento, o TJRS não se manifestou sobre o tema, mantendo as mesmas regras do período anterior à nova onda de contaminações. Contudo, novas orientações foram divulgadas, conforme consta no final da matéria.

O Sindjus/RS solicitou uma reunião com a Administração do Tribunal para reafirmar a posição pela suspensão dos atendimentos ao público, além de retomar  o trabalho remoto, com o objetivo de preservar a saúde dos trabalhadores e trabalhadoras, até que sejam reduzidos os índices de contaminação. 

O Sindicato disponibilizou um formulário para que os servidores possam relatar como está a situação de contaminação nas comarcas. Acesse AQUI.

 

 

 

Alta nos casos de Covid

No RS, somente no dia de ontem (13/01) foram registrados 12.232 novos casos, sendo o segundo maior número de casos de Covid em um único dia desde o início da pandemia em março de 2020. Em 2022, somente nos treze primeiros dias do ano, já foram contabilizados 60.350 casos e 72 mortes.

Na média semanal, indicador utilizado para evitar distorções na data de registro no sistema, nos últimos sete dias a média semanal de casos confirmados cresceu mais de cinco vezes, passando de 81,9 para 411,5. Também foi registrado um aumento na ocupação de leitos clínicos, passando de 297 leitos ocupados em 2 de janeiro, para 603 em 13 de janeiro. 

Até o momento, a ampla vacinação da população tem impactado na redução da gravidade dos casos e dos óbitos. No entanto, conforme especialistas, as projeções apontam para um aumento importante de casos, sendo o momento de reforçar os cuidados, como o uso de máscara de proteção adequada (máscara N95, PPF2 ou cirúrgica bem ajustada ao rosto, sem espaços laterais), e evitar aglomerações mesmo que ao ar livre, já que o alto número de contágio pode resultar em sobrecarga ao atendimento médico e hospitalar.

 

Novas orientações do TJRS

O TJRS publicou novas orientações para os trabalhadores e trabalhadoras com suspeita ou teste positivo para Covid.

 

Suspeita de Covid19

– Comunicar chefia

– Trabalho remoto até realização do teste (3 a 5 dias aproximadamente)

– Se positivo isolamento domiciliar por 10 dias a contar da data do teste

– Se negativo retorna ao trabalho presencial

 

Teste Covid19 positivo:

– Comunicar chefia

– Isolamento domiciliar por 10 dias a contar da data do exame realizado

– Se impossibilidade de trabalho remoto enviar exame para duvidas.coronavirus@tjrs.jus.br para licença saúde

– Retornar ao trabalho presencial após 10 dias, desde que afebril nas últimas 24 horas e com melhora dos sintomas

– Caso ainda apresente algum sintoma após o décimo dia deverá realizar contato com o DJM novamente

 

Mais informações e esclarecimentos pelo email: duvidas.coronavirus@tjrs.jus.br