DEPUTADOS RETIRAM QUÓRUM E PL DO REAJUSTE CONTINUA NA CCJ

    Os deputados da base governista se ausentaram minutos antes da apreciação do PL 218/2017( que trata da reposição salarial de 5,58% dos servidores do judiciário), o que tornou o número de parlamentares insuficiente para a votação na sessão da Comissão de Constituição e Justiça desta terça-feira, 28, na Sala Dr. Maurício Cardoso da ALRS. A manobra frustrou as expectativas dos representantes do SINDJUSRS e demais categorias que acompanhavam a sessão. Por outro lado, o PL 93/2017, que estava na ordem do dia, não teve preferência para apreciação, deixando os Oficiais Escreventes e de Arquivo mais aliviados. O presidente da CCJ, deputado Edson Brum (MDB), lamentou que seus colegas tivessem pedido verificação de quórum para dar continuidade a sessão, quando existiam 10 parlamentares na sala. No entanto, usando de prerrogativa, o deputado Frederico Antunes (PP), solicitou a verificação e apenas quatro deputados confirmaram presença. “Eu considero isso como se o deputado fosse um fantasma, mas respeito a decisão que faz parte do regimento da casa”, afirmou o parlamentar.