CONVOCAÇÃO

ATO UNIFICADO DO FUNCIONALISMO PÚBLICO GAÚCHO CONTRA O PACOTE DA MORTE DO GOVERNADOR EDUARDO LEITE

A direção do Sindjus/RS convoca as servidoras e servidores do poder judiciário para ATO UNIFICADO DO FUNCIONALISMO PÚBLICO GAÚCHO CONTRA O PACOTE DA MORTE DO GOVERNADOR EDUARDO LEITE, que será realizado no dia 17/12/2019, a partir das 10h, na Praça Marechal Deodoro (Praça da Matriz), em frente ao Palácio Piratini e à Assembleia Legislativa. O movimento está sendo organizado pela Frente do Servidores Públicos do Rio Grande do Sul (FSP/RS), da qual o Sindjus-RS faz parte, e estaremos lutando pela retirada ou rejeição do pacote de maldades. Os referidos projetos trazem impactos nefastos na vida de toda a classe trabalhadora, ativos e aposentados, e precisamos da força de todas e todos para conseguirmos barrar esses retrocessos. Precisamos que as(os) colegas que não aderiram à greve e as aposentadas e aposentados reforcem nosso movimento, para auxiliar os colegas grevistas que estão compensando as horas da greve.

DIAS 18 E 19/12: Conforme deliberado em Reunião do Conselho de Representantes, ocorrida na última terça-feira (10), e em razão da limitação financeira do Sindjus, ficam convocados para os dias 18 e 19 de dezembro apenas os servidores de Porto Alegre e região metropolitana.

A Abojeris, entidade parceira na luta da greve e agora contra o pacote do governo, irá auxiliar financeiramente com as despesas da convocação, e orienta os Oficiais de Justiça a buscarem os demais servidores de suas comarcas para organizarem conjuntamente as caravanas.

Aos(às) servidores(as) participantes será fornecido atestado de acordo com o Artigo 64, XVI da Lei 10.098/94.

IMPORTANTE: Tendo em vista as várias convocações realizadas no período de greve, bem como os valores despendidos em decorrência da mesma, somente serão ressarcidas despesas com caravanas, compreendidos ônibus, micro-ônibus e vans (deslocamento com ônibus intermunicipal individual e gasto com combustível não serão ressarcidos). Pedimos a compreensão e auto-organização das comarcas para que construam seus roteiros e organizem as caravanas. Não serão ressarcidas despesas individuais de alimentação ou deslocamento (táxi ou Uber), apenas o valor do transporte das caravanas. Requeremos aos colegas que priorizem ao máximo a economicidade na escolha de seus transportes, buscando a utilização adequada dos recursos do sindicato. Poderão também procurar representantes das demais categorias para organizarem caravanas unificadas, como os colegas do Ministério Público, magistério, saúde, técnicos e segurança pública.. Solicitamos também que os responsáveis entrem em contato com a empresa de transporte contratada para que seja feito o faturamento em nome do sindicato preferencialmente para o final do mês de dezembro. O CNPJ do Sindjus é 92.516.558/0001-42. Rua Quatro Jacós, 26, Menino Deus, CEP 90150-010, Porto Alegre. As notas fiscais com os boletos ou número da conta para depósito, bem como dúvidas ou casos especiais, deverão ser encaminhadas para o e-mail: joseane@sindjus.com.br. NÃO HAVERÁ RESSARCIMENTO NO LOCAL.

Contamos com força de todas e todos para vencermos mais essa batalha!

Porto Alegre, 13 de dezembro de 2019.

A Direção – Sindjus/RS