Atendendo a pedido do Sindjus, TJRS vai emprestar equipamentos para trabalho remoto

Atendendo às solicitações do Sindjus, o Tribunal de Justiça do RS autorizou o empréstimo de computadores e modem aos servidores que não disponham desses equipamentos para o teletrabalho durante o regime especial do Judiciário. A medida foi divulgada em ofício assinado nesta sexta-feira (29) pela Corregedora geral de Justiça, Vanderlei Teresinha Kubiak.

O tema foi pontuado em todas as reuniões realizadas entre a direção sindical e a Administração do TJRS desde o início da alteração no funcionamento da Justiça estadual.  “Esta é uma importante medida que foi possível com a nossa articulação junto ao Tribunal. Estamos encaminhando todas as demandas da categoria em nossas reuniões e temos conseguido avançar em diversas questões, mesmo nesta conjuntura complexa”, pontuou a diretora de patrimônio e finanças do Sindjus, Joseane Bronizaki. de acordo com a pesquisa realizada pelo sindjus, cerca de 90,5% da categoria está realizando teletrabalho, mas apenas 35,7% possui condições e estrutura para o desenvolvimento do trabalho remoto.

No Ofício abaixo estão as orientações para solicitação dos equipamentos.

Ofício equipamentos