Direção do Sindjus é eleita e toma posse para o triênio 2022/2025

Eleita por aclamação em uma Assembleia Geral Ordinária em formato híbrido com a participação de mais de 200 servidores e servidoras, a Direção Colegiada do Sindjus para o triênio 2022/2025 tomou posse na manhã deste sábado (11).

O processo eleitoral foi inédito na história de 33 anos do Sindicato, em uma eleição sem oposição e que contou apenas com a inscrição de uma chapa.

Em nome da Comissão Eleitoral Rosimeri Pedrassani explicou os trâmites do processo eleitoral e declarou eleita por aclamação a chapa Somar para Conquistar, que indicou Osvaldir Rodrigues, Técnico Judiciário (Comarca de Porto Alegre), como coordenador-geral do Sindjus. Veja abaixo a composição completa. 

O coordenador-geral empossado Osvaldir Rodrigues destacou a presença de servidores de todas as partes do estado, o que indica a confiança da categoria no trabalho que será desempenhado pela nova gestão e na continuidade do processo de conquistas. O dirigente também destacou o trabalho da comissão eleitoral na condução do processo, ressaltando que “a democracia impera no Sindjus”. 

Rodrigues falou sobre a importância da unidade da categoria para seguir avançando e alertou sobre a necessidade de ampliar e fortalecer as bancadas do campo progressista na Assembleia, na Câmara e no Senado. “Esta gestão tem lado, o lado do trabalhador, não é o lado do miliciano, do banqueiro. Vamos lutar, e muito, para que tenhamos grande representatividade”. 

O coordenador-geral também reforçou o compromisso da gestão com a atuação em paralelo em defesa das demandas internas da categoria, mas também na luta conjunta com a classe trabalhadora. “Esta gestão vai estar em todas as frentes de batalha, seja na Assembleia Legislativa, em Brasília, na Câmara de Vereadores, na luta pela democracia, pela igualdade e justiça social”, ressaltou.

A solenidade contou também com o discurso de despedida de Fabiano Zalazar da coordenação-geral do Sindicato, que assumirá a função de secretário-geral na nova gestão. Em sua fala, destacou as dificuldades impostas pela pandemia da capacidade de superação dos desafios graças à coesão e unidade da categoria. 

“Encerramos a gestão com a sensação do dever cumprido, atingimos mais de 80% das nossas metas”, pontuou, citando a luta contra o PL 93 e a maior greve da história da categoria, a aprovação do PCCS, o turno único, a retomada das remoções, a equiparação auxílio-refeição, o auxílio-saúde, a reformulação da comunicação do sindicato, a garantia de aposentadoria dos celetistas. 

Zalazar citou o apoio às lutas dos movimentos sociais e também alertou para a importância de eleger representantes que atuem em defesa dos trabalhadores e do serviço público. “Vamos seguir lutando contra as desigualdades sociais, contra as injustiças (inclusive dentro da nossa casa), contra o desmonte do estado e contra todo tipo de retrocesso”, concluiu.

 

Aprovação de contas

Durante a Assembleia Geral Ordinária, a diretora de Finanças e Patrimônio, Joseane Hans Bronizaki, fez a prestação de contas relativas ao primeiro semestre de 2022. Conforme determinação do Estatuto, as contas foram analisadas e aprovadas pelo Conselho Fiscal do sindicato, em reunião realizada na sexta-feira (10), e também aprovadas pela AGO.

Confira aqui os documentos e pareceres.

 

Presenças

Prestigiaram a AGO as seguintes autoridades: deputada federal Fernanda Melchionna (PSOL), vereador de Porto Alegre e pré-candidato ao governo do RS Pedro Ruas (PSOL), vereadora Daiana Santos (PCdoB), ex-ministro Miguel Rossetto (PT), Fernando Oliveira representando o deputado federal Elvino Bohn Gass (PT) e Tzusy Estivalet, representando o mandato da vereadora Karen Santos (PSOL). Também compareceram representantes de diversas entidades sindicais e associativas.

Após a AGO, os participantes e convidados foram recebidos em um almoço de confraternização, que contou com apresentação musical de Lili Fernandes e banda.

 

Veja a composição da Direção:

Coordenação-Geral

Osvaldir Rodrigues da Silva – Técnico Judiciário – Porto Alegre

Secretaria Geral

Fabiano Marranghello Zalazar – Analista Judiciário – Porto Alegre

Janete Fabiola Togni – Técnica Judiciária/Aposentada – Novo Hamburgo

Secretaria de Finanças e Patrimônio

Joseane Hans Bronizaki – Técnica Judiciária – Porto Alegre

Maria Rosa Junges – Auxiliar de Serviço Gerais/Aposentada – Carazinho

Secretaria de Política e Formação Sindical

Valter Assis Macedo – Técnico Judiciário – Porto Alegre

Maíz Ramos Junqueira – Analista Judiciária/Serviço Social – Guaíba

Secretaria de Imprensa e Divulgação

Marco Aurélio Velleda – Atendente Judiciário – Estância Velha

Valdir Bueira da Silva – Oficial Justiça Estadual – Guaíba

Secretaria de Relações de Trabalho e Assuntos Jurídicos

Emanuel Dall Bello dos Santos – Técnico Judiciário – Porto Alegre

Helena Veiga Muller – Oficiala de Justiça Estadual – Torres

Suplentes da Executiva

José Euclides Alves da Silva – Técnico Judiciário – Alegrete

Claudemir Pires de Oliveira – Oficial de Justiça Estadual – Bento Gonçalves

Carlos Eduardo Nascimento Souza – Técnico Judiciário – Santa Maria

Glauciara Fischer Nunes – Técnica Judiciária – Caxias do Sul

Marcos Waldemir da Silva Figueiró – Técnico Judiciário – Tramandaí

 

Titulares do Conselho Fiscal

Almeri Macedo da Silva – Agente de Polícia Judicial – Porto Alegre

Ana Maria Dalenogare Silva – Técnica Judiciária – Santiago

Marcia Ferro Amaro – Técnica Judiciária/Aposentada – Pelotas

Rosane dos Santos Bittencourt – Oficial Escrevente Datilógrafa – Porto Alegre

Jesner Pias Borges – Auxiliar de Serviços Gerais – Porto Alegre

 

Suplentes do Conselho Fiscal

Rafaella de Menezes Pacheco – Técnica Judiciária – Santana do Livramento

Solange Carteli – Técnica Judiciária – Passo Fundo

Luis Rogerio Helich – Oficial de Justiça Estadual – Santo Ângelo

Juliana Daitx Ribeiro Reali Toralles – Técnica Judiciária – Porto Alegre

Patricia Heimerdinger – Oficiala Ajudante – Osório

 

GALERIA DE FOTOS
Crédito: Grupo REC (Ricardo Silveira/Vinicius Ellvanger)