SINDJUSRS E ENTIDADES NA LUTA CONTRA PECs

    Herança maldita do governo de José Ivo Sartori (MDB), duas PECs – Propostas de Emenda Constitucional, que retiram direitos adquiridos dos trabalhadores do serviço público serão apreciadas pelos deputados estaduais em sessão nesta terça-feira, 26, na Assembleia Legislativa. À partir das 14 hs os parlamentares discutem as PEC’s 242/2015 e a 261/2016. A proposta 242 trata da extinção da licença-prêmio assiduidade dos servidores estaduais, e da criação da licença capacitação. Já a PEC 261 substitui a contagem do tempo de serviço pela de tempo de contribuição para efeito de aposentadoria, e o tempo de serviço correspondente para efeito de disponibilidade, a servidores federais, estaduais e municipais, além de reforçar que a lei não poderá estabelecer qualquer forma de contagem de tempo de contribuição fictício. O coordenador geral do SINDJUSRS, Marco Aurelio Weber, convocou os servidores do judiciário de todo o estado para acompanhar a sessão – “A pressão aos deputados é o que nos resta neste momento, já que nunca tivemos a oportunidade de nós manifestar ao ex-governador. Sabemos que é difícil, mas que nada é impossível, portanto vamos pressionar”, declara Weber.