Confira as propostas aprovadas na primeira Assembleia Geral de 2018

    A primeira Assembleia Geral do SindjusRS em 2018 foi marcada pela participação qualitativa de servidores da Justiça Estadual, representada por diversas comarcas do interior, capital e região metropolitana.

    O encontro ocorreu na sexta-feira, no Auditório Dante Barone, da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre, e se iniciou com palestras na parte da manhã, com temas de relevância para a categoria, como a transposição dos servidores celetistas para o Regime Geral de Previdência, proferida pelo advogado Jorge Young.
    Em seguida, tratou-se sobre a reestruturação do IPE, com palestra do desembargador Claudio Martinewski e o presidente do Conselho Deliberativo do IPE, Bel. Luiz Fernando Alves da Silva.

    Na mesa dos trabalhos estavam o coordenador Geral do SindjusRS, Marco Aurelio Weber, os diretores Davi Pio e Aguinaldo Martins e o presidente da ASJ e fundador do SindjusRS, Paulo Olympio, e o representante da região sul da Fenajud, Marco Velleda.

    Na parte da tarde, os trabalhos da Assembleia Geral tiveram continuidade, com a prestação de contas do exercício 2017 e previsão orçamentaria para 2018, sob a coordenação da diretora Eclaiza Luongo Nascimento e do contador Juarez Olympio, ambos os itens aprovados pelos servidores presentes.

    Houve indicação favorável para que o sindicato contrate assessoria para acompanhar a arrecadação do TJRS. Os servidores da justiça participaram na construção de ideias para o Plano de Lutas, Campanha Salarial entre outros temas de interesse dos associados. A direção do sindicato convocou a categoria para acompanhar a reunião da CCJ da Assembleia Legislativa nesta terça-feira (3) e possibilidade de votação do projeto de reajuste salarial na ordem de 5,58%.

    Principais propostas aprovadas
    Criar projeto para que aposentados tenham direito ao auxílio-alimentação.

    Realização de plenárias regionais para discutir IPE Saúde e automaticidade da Magistratura.

    Formação de comissão representativa com direção e membro da categoria para acompanhar negociações com o TJRS.

    Formação de comissão de servidores do quadro de celetistas.

    Continuidade do Projeto SindjusRS nas Comarcas no interior.

    Instituição da campanha de novas filiações com prêmios de 29 de março a 31 de dezembro.

    Prestação de contas aprovada.

    INFORMAÇÃO OFICIAL SINDJUSRS. NÃO CAIA EM BOATOS!